Login

E-mail:

Senha:


Cadastre-se.

Lembrar senha.

Buscas no Site

» Rimas

Selecione o tipo: Palavra Terminação

Digite o termo:


» Poesias

Selecione a seção: Coletânea Galeria

Digite a palavra:


GALERIA

Neste espaço você pode publicar gratuitamente as suas obras (poemas, poesias, sonetos, versos, etc). Para isso, basta clicar no link abaixo. Antes, porém, leia as condições para publicação do site.

» Publicar Obra «

As obras serão listadas por: Ordem de Cadastro, Título e Autor.


Divagações surreais ix
(Maygh)

Hoje é sábado, para alguns, um dia sagrado, para muitos o dia de baco (para os romanos) ou dionísio (para os gregos), para mim, apenas um dia como outro dia, não mais que um dia, ou como dizia o chico, "pra mim basta um dia não mais que um dia um meio dia", o importante é que nenhuma estrela cai num dia de sábado, aliás, nada cai à revelia de newton e por isso mesmo o poeta manoel bandeira gostava de saborear sua jaca, desprendendo os bagos do "bambão" com infinita paciência e a cada mordida arrotava um conceito filosófico que desmoronava os postulados desde platão até millôr fernandes. confesso que nem a mais impertinente mentira ou a mais salutar verdade, seria capaz de, neste crucial momento, impedir-me de enterrar a cara na cachaça, com limão galego e caju.

Enviar para alguém.

Indique este Site

Você gostou do site e quer indicá-lo para um(a) amigo(a)?

Então, clique aqui.


Meus Livros

Livros publicados (clique na capa para maiores detalhes):