Login

E-mail:

Senha:


Cadastre-se.

Lembrar senha.

Buscas no Site

» Rimas

Selecione o tipo: Palavra Terminação

Digite o termo:


» Poesias

Selecione a seção: Coletânea Galeria

Digite a palavra:


GALERIA

Neste espaço você pode publicar gratuitamente as suas obras (poemas, poesias, sonetos, versos, etc). Para isso, basta clicar no link abaixo. Antes, porém, leia as condições para publicação do site.

» Publicar Obra «

As obras serão listadas por: Ordem de Cadastro, Título e Autor.


Era karl marx um satanista?
(Carlos Alê)

O fracasso da causa comunista
Promovido em quase o mundo inteiro
Sendo a prova do erro mais grosseiro
De se crer numa idéia utopista
Ampliando os lesados dessa lista
Que tem laos, camboja, rússia, china,
Alemanha cercada na cortina,
A coréia e países africanos,
Repetiu-se aqui com os cubanos
E avança na américa latina...

Por aqui a esquerda brasileira
Prometendo fazer muitas mudanças
Retirou do país as esperanças
Com mãos sujas de óleo e sujeira
Foi não foi levantou sua bandeira
Escondida no erro do gramscismo
A corrente do patrimonialismo
Com os anos foi mesmo ampliada
Nossa pátria esta mais acuada
Empurrada que está para o abismo

Engendrando uma vã teologia
Disfarçada de crença religiosa
A disputa na igreja foi rendosa
Devorando no bolo uma fatia
Resultado de trama tão sombria
Foi o lobo ficar mais atrevido
Atacando o rebanho iludido
Na de roma, lutero e metodista
Pra rezarem cartilha marxista
Como se estivessem num partido

Foi karl marx na sua juventude
Um cristão numa vida desregrada
Caminhando em trilha tão errada
Corrompeu-se por sua atitude
Com a alma sofrendo inquietude
Conheceu a mudança imprevista
Os relatos indicam uma pista
De que a sua fé sofreu revés
Aceitando por guia moses hess
Para entrada na esfera ocultista

Pois é esse o mentor do socialismo
Que nas teses que havia formulado
Foi de deus inimigo declarado
Para ver triunfar o satanismo
Basta ver nos anais do esquerdismo
O terror do passado mais grotesco
A barbárie em drama gigantesco
Genocídios em frias crueldades
Escravismo e demais atrocidades
E a fome em grau sempre dantesco

Enviar para alguém.

Indique este Site

Você gostou do site e quer indicá-lo para um(a) amigo(a)?

Então, clique aqui.


Meus Livros

Livros publicados (clique na capa para maiores detalhes):