Login

E-mail:

Senha:


Cadastre-se.

Lembrar senha.

Buscas no Site

» Rimas

Selecione o tipo: Palavra Terminação

Digite o termo:


» Poesias

Selecione a seção: Coletânea Galeria

Digite a palavra:


GALERIA

Neste espaço você pode publicar gratuitamente as suas obras (poemas, poesias, sonetos, versos, etc). Para isso, basta clicar no link abaixo. Antes, porém, leia as condições para publicação do site.

» Publicar Obra «

As obras serão listadas por: Ordem de Cadastro, Título e Autor.


Versos sem razão
(Almir de Carvalho Filho)

Eu noto que é vão meu sentimento,
Pois vivo em paz e guerra,tal
A confusão:
Tristeza e gozo,juntos,ao sabor do
Vento,
Cada verso que escrevo é sem razão.
Viver sem mágoa,eis o meu intento,
Aliviando assim,meu coração;
Se acaso relembrar qualquer tormento,
Cada verso que escrevo é sem razão.

(do meu livro "gratidão").

Enviar para alguém.

Indique este Site

Você gostou do site e quer indicá-lo para um(a) amigo(a)?

Então, clique aqui.


Meus Livros

Livros publicados (clique na capa para maiores detalhes):